Correios: veja extrato de editais para concurso nacional. São 10.196 vagas

|Publicado em: 17/10/2009


Saiu concurso para os Correios em todo o Brasil, com oportunidades em cargos dos níveis médio, médio/técnico e superior. O diretor de Recursos Humanos da estatal, Pedro Magalhães, informou à FOLHA DIRIGIDA, na tarde desta sexta-feira, 16, que os editais trarão um total de 10.196 vagas, sendo 9.643 para carteiros e 553 para analista. "Cerca de 5 mil serão chamados em 2010", disse.

O diretor também explicou porque não serão oferecidos os cargos de atendente comercial e operador de triagem e transbordo, como ele havia informado anteriormente. Segundo Pedro, a empresa quer priorizar o ingresso de carteiros, cargo inicial da carreira e que tem maior necessidade de pessoal. "Pelo nosso plano de cargos, o carteiro pode fazer uma prova interna e ser atendente ou operador. O carteiro não atua somente na rua", explicou, ressaltando que após dois anos como carteiro o profissional já está apto a fazer a prova.

Inscrições - As inscrições serão recebidas a partir de 3 de novembro, até dia 13 do mesmo mês, em agências credenciadas por todo o país, com taxas de inscrição no valor de R$20, R$25 e R$45. Os editais serão disponibilizados a qualquer momento.

A remuneração de carteiro (com exigência de nível médio) chega a R$1.456, pois além do salário-base de R$706, há também R$650 de vale-alimentação/vale-cesta. Já no nível técnico os vencimentos chegam a R$1.528,55, enquanto no superior os salários são de R$3.431,06.

No nível técnico, as chances são para técnico em Segurança do Trabalho e auxiliar de enfermagem do trabalho. Já quem possui nível superior poderá concorrer aos cargos de analista nas carreiras de: administrador, advogado, analista de desenvolvimento de sistemas, arquiteto, assistente social, contador, economista, engenheiro civil, engenheiro mecânico, enfermeiro do trabalho, engenheiro eletrônico, psicólogo, pedagogo, técnico em comunicação social (jornalista), médico do trabalho, entre outros.

Os habilitados poderão ser convocados durante o prazo de validade que é de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.

Fonte: Folha Dirigida


Avalie

Deixe uma resposta